Câmara de Petrolina abraça a causa do Sanatório de Juazeiro/BA para evitar seu fechamento

por Waldiney Passos publicado 13/08/2019 22h40, última modificação 14/08/2019 01h36
A unidade psiquiátrica é a única com internamentos na região do Vale do São Francisco e os membros da Comissão de Saúde da Casa junto com um grupo de vereadores, buscam meios de evitar o fechamento do hospital.

Com a presença de representantes do Hospital Psiquiátrico de Juazeiro/BA, o Sanatório Nossa Senhora de Fátima, a Câmara de Vereadores de Petrolina/PE, no sertão do estado, pode conhecer nesta terça, 13, durante sessão plenária, a real situação do equipamento que recebe pacientes de toda a região do Vale do São Francisco, clinicamente diagnosticados com doenças neurológicas. As dirigentes do hospital usaram a Tribuna Livre da Casa Plínio Amorim e expuseram os problemas que podem levar o Sanatório ser fechado.

A diretora-presidente do Santório, Elizabeth Teixeira relatou como encontra-se a unidade que tem em suas instalações, pelo menos 15% de pacientes petrolinenses, 30% juazeirenses e os demais, são de várias cidades do entorno dos dois principais municípios são franciscanos. "Nós temos dado o cuidado, o acolhimento que muitos de nosso pacientes não encontram na famílias nem em outros tipos de atendimento", explicou a diretora.

Conforme o relato dos representantes da unidade, o Sanatório Nossa Senhora de Fátima recebe um repasse de cerca de R$ 113 mil mês, recursos vindos do Governo Federal. A rede municipal de Juazeiro relatou à direção da unidade arcava com outros R$ 200 mil, o que ficou difícil para a Prefeitura continuar investindo sozinha o equipamento. A gestão já informou à diretoria do Sanatório que não tem condições de continuar cumprindo sozinha esse compromisso.

"O que entra com os pagamentos que a unidade deve quitar, é de cerca de 40 mil,, mas só folha tem custos em torno de R$ 90 mil. O que sobra para manter não chega a 30 mil ", frisou Dr. Arthur, advogado do Sanatório. Ele acrescenta que o hospital possui uma dívida que já chega a R$ 250 mil.

 CREDENCIAMENTO

 Os vereadores das duas cidades resolveram buscar uma saída para evitar seu fechamento. Através da Comissão de Saúde da Câmara Municipal, os parlamentares irão encampar a luta pelo credenciamento do Sanatório Nossa Senhora de Fátima junto ao Ministério da Saúde.

"O credenciamento fará com que os recursos possam ir direto para a conta do Sanatório, por isso vamos correr contra o tempo e ajudar. Vamos agendar reuniões com as secretárias de Saúde de Petrolina e Juazeiro e com o Ministério Público também", frisou o vereador Gilberto Melo, presidente da Comissão de Saúde do poder legislativo de Petrolina.

Encaminhamentos mais urgentes para evitar que Santório seja fechado, foram encaminhados após presença da diretoria da umidade

A Câmara de Petrolina, por meio do presidente Osório Siqueira, estará junto com as diretoria da unidade psiquiátrica  e com os vereadores da Comissão de Saúde e do grupo que iniciou essa luta, para resolver esse problema o quanto antes.

"Estamos à disposição para fortalecer a luta dos que atuam no atendimento a esses pacientes e a saída virá, se Deus quiser", pontuou Osório. O mesmo sentimento foi externado pelo primeiro vice-presidente da Casa, vereador Ronaldo Souza. "Esse debate é muito grave. Temos que estar juntos para evitar o seu fechamento", completou Ronaldo.

Cristina Costa, vereadora do PT, que também integra a comissão de vereadores petrolinenses que acompanha a situação do Sanatório de Juazeiro, frisou que a possibilidade da unidade fechar é muita mais grave do que se imagina. Cristina acrescentou que irá solicitar uma emenda parlamentar para o Sanatório junto ao senador Humberto Costa, do PT.

"Vamos buscar o apoio de todos para que o Sanatório continue funcionando e amplie seu trabalho com os pacientes de nossa região", disse a vereadora  que frisou que também serão provocadas para colocarem emendas na unidade psiquiátrica, os deputados federais que apoia, Marília Arraes e Carlos Veras. Ela disse que o grupo trabalha também para buscar ainda mais apoios à unidade, unindo as secretarias de Saúde e os prefeitos nesse momento de fechamento da Lei de Diretrizes Orçamentárias - LDO - e assim, destinarem emendas para a manutenção do Sanatório.

O vereador Aero Cruz, do PSB, líder do governo na Câmara Municipal, frisou que irá levar a situação para as lideranças políticas do seu grupo. "Já conversamos com o deputado federal Fernando Filho e vamos na próxima segunda, 18, sentar com o senador Fernando Bezerra Coelho, para viabilizar emenda parlamentar para destinação da unidade, dentro do que pode, juridicamente", destacou Aero.

 FALAS

Uma das integrantes do grupo de vereadores que abraçaram a causa do Hospital Psiquiátrico de Juazeiro/Sanatório Nossa Senhora de Fátima, a vereadora Maria Elena de Alencar, PRTB, comunga da urgência em se levar adiante e o quanto antes esse credenciamento do equipamento juntos ao Ministério da Saúde. Ele relata que com o trabalho da Comissão de Saúde e num entendimento com o colega Manoel da Acosap que tem todo um conhecimento do sistema macro de saúde publica, colocou para ele que provocasse esse entendimento de formas institucional entre as duas secretarias.

"Disse a ele para ir na secretária de Saúde, nesta questão institucional de estar á frente, de estar junto com nossas forças políticas para que a nossa saúde pública possa melhorar, ampliando a atuação além da saúde primária. Vamos, por exemplo, trabalhar para que Petrolina conquiste o quanto antes, a sua Casa de Parto e essa é uma luta que estarei acompanhando de perto", registrou a vereadora Maria Elena que orientou a Casa Plínio Amorim, através do presidente Osório Siqueira, buscar também a união de legislativos de outras cidades que dependem do Santório para cuidar de seus internamentos.

Os demais vereadores da Comissão de Saúde, Major Enfermeiro, MDB; e Zenildo do Alto do Cocar, se colocaram à disposição para encontrar uma saída positiva para esse problema. "Iniciamos e vamos até o fim para evitar o pior que seria o fechamento do Sanatório. Nossa união com os colegas de Juazeiro não permitirá que isso aconteça", considerou Major. "Estamos à disposição, sempre, podem contar comigo e nosso mandato", acrescentou Zenildo.

Da mesmo forma, os vereadores Ronaldo Silva, PSDB e Manoel da Acosap, PTB, além de Osinaldo Souza e Elismar Gonçalves, colocaram seus gabinetes à disposição para acompanhar e conquistar um final feliz para essa história. (Fotos: Jean Brito)

 



Por Cinara Marques

Foto: Jean Brito

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.