Dia do Pastor é celebrado na Câmara de Vereadores de Petrolina

por Waldiney Passos publicado 11/06/2019 16h55, última modificação 11/06/2019 17h22
Noite marcada por homenagens, reuniu na Casa Plínio Amorim, mais de 200 pastores e pastoras petrolinenses

Mais de 200 pastores e pastoras, representando diversas igrejas evangélicas de Petrolina/PE, foram homenageados na noite desta segunda-feira, dia 10, celebrando a data em homenagens aos pastores petrolinenses. A sessão solene teve a autoria do vereador Osinado Souza e foi subscrita pelos demais vereadores evangélicos: Pastor Elias Jardim, Pastor Alex de Jesus e Ruy Wanderley.

Além dos vereadores, a sessão presidida pelo vereador Osório Siqueira, presidente da Casa Plínio Amorim, reuniu diversos convidados. O prefeito Miguel Coelho também marcou presença no ato solene. O pastor José de Lima fez a oração inicial da sessão solene. Já o Pastor Jailson Crispim, presidente da União dos Pastores de Petrolina (Upepe), discursou em nome dos homenageados. Ele aproveitou e fez o registro que estará organizando a Marcha para Jesus com o apoio de todas as igrejas com o tema ‘Clama Petrolina’. Jailson falou sobre a Sociedade Bíblica do Brasil que completava 71 anos neste dia 10 de junho, pediu uma salva de palmas para a organização que no Vale irá organizar o seminário de Ciências Bíblicas em Juazeiro/BA.

“Nós representamos cerca de 100 mil pessoas em Petrolina, um número muito expressivo. Prefeito, nós como igreja, não podemos ser comparados como comércio. Precisamos ser tratados de forma diferentes como reza a Constituição. Então não podemos pagar taxas, impostos. Hoje temos cada vez mais dificuldades para abertura de nossos templos. Estamos vulneráveis com esses enquadramentos legais. Por isso prefeito, quero pedir que o senhor nos dê um presente”, assinalou o pastor.

Crispim acrescentou que um projeto do vereador Elias Jardim e que tramita na Casa Plínio Amorim, pede entre outros pontos, que o poder público municipal não embarace a abertura de igrejas e isente os templos das taxas municipais. “A lista de exigência da AMA nos inviabiliza. A Constituição nos garante esse direito. Senhor prefeito, nos conceda esse direito. E não falo só pelos evangélicos não. Também pelos católicos. O senhor abençoa as igrejas e o senhor será abençoado, a sua gestão será abençoada e a arrecadação será ainda maior com essa benção”.

O presidente Osório Siqueira conduziu a sessão e parabenizou aos presentes pela data. “Estamos sempre aptos a apoiar toda a classe evangélica no que tange as suas pautas que cheguem em nosso poder legislativo”, considerou o presidente.

Para o autor da sessão, a data em que em homenagem ao Dia do Pastor, sempre é muito marcante para todos os homenageados e quem prestigia a solenidade. O vereador Osinaldo Souza lembrou que o vereador Ruy Wanderley é o autor da lei que criou o Dia do Pastor. O autor da sessão solene, reforço o pedido ao prefeito Miguel Coelho para diminuir a burocracia e cumprir o preceito constitucional.

“Prefeito eu sei que o senhor nunca faltou com o povo evangélico. Somos quatro que formam a bancada evangélica aqui nesta Casa e sempre contamos com o apoio dos demais colegas de nossa bancada. O prefeito nunca faltou com nossa bancada. Estamos trabalhando dentro do limite que a Constituição nos permite”, declarou Osinaldo Souza.

Autor da lei que criou a data em homenagem aos pastores petrolinenses, o vereador Ruy Wanderley foi outro a apelar ao prefeito pelas igrejas e se disse feliz em estar unido com os outros colegas de crença que formalizaram a criação da bancada evangélica da Casa Plínio Amorim.

“Esta Casa está focada nas causas do Rei com a união desses quatro colegas. Tenho certeza que melhores dias virão para o povo de Deus. Não queremos arrumadinho para beneficiar o povo evangélico não, mas existe a lei, entretanto os secretários Geraldo Miranda e Giovani Costa têm ajudado no que pode o povo de Deus desta cidade”, salientou Ruy.

O Pastor Alex reiterou o apoio do prefeito as questões da igreja. “Somos sempre bem recebidos em nossas solicitações”. A declaração foi corroborada por Elias Jardim. “Estamos trabalhando para que nossa missão se fortaleça a cada dia com o apoio de nosso prefeito”, comentou o vereador.

O prefeito Miguel Coelho lembrou que sancionou a lei de Ruy aprovada na Casa que originou a homenagem ocorrida nesta segunda-feira. Ele frisou que a noite é para celebrar e destacou a missão importante dos pastores “num mundo que dá vergonha viver nos dias atuais, é só coisa ruim egoísmo, rancor e é este tipo de trabalho que vocês enfrentam, diariamente”.

"Recebem almas que estão sangrando, a falta de amor, que não existe mais uma luz no fim do túnel e que sabe que tem palavra que é a palavra de Deus. Estamos aqui para exercer a missão que Deus nos confiou, por meio dos seus ensinamentos e a Bíblia repassa tanto. Lei existe para respeitar, para corrigir e estamos querendo corrigir o projeto do vereador Elias Jardim, respeitando a Lei Máxima que é a Constituição, mas vamos enviar o projeto de lei ainda esta semana para isentar as igrejas de todas as taxas municipais”, discursou o gestor municipal.

Após as falas, foram entregues os certificados em homenagem a cada pastor presente. A sessão solene contou com a participação especial da cantora Sarah Reis que entoou os louvores, valorizando ainda mais o momento especial para os pastores e pastoras petrolinenses.

Além de Osório e Osinaldo, estiveram pressentes na sessão, os vereadores Maria Elena de Alencar, Ruy Wanderley, Pastor Alex de Jesus, Elismar Gonçalves, Pastor Elias Jardim, Paulo Valgueiro (líder da oposição), Aero Cruz (líder do governo), Ronaldo Silva e o primeiro vice-presidente, vereador Ronaldo Souza (Ronaldo Cancão) que reiteraram a importância da homenagem e da data criada pela Casa Plínio Amorim.

 

Texto: Cinara Marques

Fotos: Jean Brito

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.