Homenagens, emoção e reconhecimento, fizeram parte da Sessão Solene da entrega do título de cidadão petrolinense ao Coronel Domingos Lindoso

por Waldiney Passos publicado 29/10/2019 23h25, última modificação 31/10/2019 15h24
A propositura veio através do projeto de decreto legislativo de autoria do vereador Ruy Wanderley. Familiares, convidados, amigos de corporação, vereadores e amigos, estiveram na noite de homenagens.

Uma carreira marcada pela hombridade de servir. Essa foi a tônica dos discursos durante a sessão solene realizada na última sexta-feira, 25, durante a entrega do título de cidadão petrolinense ao Coronel Domingos Lindoso.

 Ao lado de suas Anas, a esposa Ana Paula e as filhas, Ana Letícia, Ana Larissa e Ana Carolina, Domingos Lindoso reuniu na noite especial, demais familiares, entre eles a chefe do Departamento Legislativo, Cecília Souza, funcionária há 26 anos da Casa Plínio Amorim.

 De autoria do projeto de decreto legislativo do vereador Ruy Wanderley, a sessão que foi presidida pelo vereador Aero Cruz, contou ainda com as presença de colegas de corporação do homenageado, a exemplo do Coronel Marcílio Amorim Pereira, comandante do Colégio da Política Militar; Major Célio Alves Júnior, Sub-comandante do Colégio da Polícia Militar e o Tenente Coronel José Ivanildo de Moura Júnior, Comandante da 2ª CIPM.

Também estiveram prestigiando a solenidade, vereadores, o ex-vereador Chico Freire, e muitos admiradores do trabalho do homenageado à frente da Polícia Militar de Pernambuco em Petrolina. Natural do Recife, o Coronel Domingos Lindoso passou 10 anos servindo a PM na ‘capital do são francisco’.

Para o autor da honraria, vereador Ruy Wanderleu, o título é uma forma de reconhecer o trabalho de destaque do Tenente Coronel Domingos Lindoso que foi marcante em Petrolina. “Quando Cecília me sugeriu, eu não pensei duas vezes. Fui testemunha do excelente trabalho que o ‘Tenente Domingos’ fez em nossa cidade”, ressaltou.

Entre seus feitos, o Coronel Domingos iniciou junto com o então superintendente da Empresa Petrolinense de Trânsito e Transporte de Petrolina (EPTTC), Geraldo Miranda, o processo de implantação da municipalização do trânsito da principal cidade do sertão pernambucano.

“A presença do Coronel Domingos foi essencial para que pudéssemos ganhar o título nacional de trânsito, mais organizado e mais gentil do Brasil”, lembrou Geraldo que mesmo passando por problemas de saúde, disse ter feito questão de prestigiar a homenagem ao amigo.

Após as falas dos familiares, do vereador Alvorlande Cruz, do pastor Ronaldo, amigo do militar; da esposa e das filhas que fizeram um retrato de amor da pessoa e do cidadão que é o Coronel Domingos Lindoso, foi a vez do homenageado deixar seus agradecimentos e destacar a honra de estar se tornando cidadão petrolinense.

“Olha que depois dessas falas, quase que vocês me derrubam, mas aguentei aqui firme para deixar meus agradecimentos aos amigos, familiares, a Cecília e ao vereador Ruy Wanderley que me concederam esse titulo. Minha história com Petrolina tinha que acontecer. Ainda iniciante na corporação, fui destacado para integrar a equipe que veio para cá no processo de revezamento que era feito na época. Receber esse título, me deixa ainda mais convencido que fizemos um trabalho sério, voltado para a população e que rendeu essa proximidade com tantos amigos que fiz e a inda cultivo. Obrigado”, discursou o Coronel Domingos Lindoso da Silva Lorena, cidadão petrolinense de fato e de direito.





Por Cinara Marques

Fotos: Jean Brito

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.