Vereadores discutem volta das reuniões presenciais na Câmara de Petrolina

por waldiney — publicado 18/08/2020 07h24, última modificação 18/08/2020 07h25
Tema foi puxado pelo vereador Ronaldo Cancão, primeiro vice-presidente da Casa e contou com o apoio dos demais colegas. A pauta deve voltar na reunião desta terça, 18.

Entre os assuntos discutidos na sessão da Câmara Municipal de Petrolina nas últimas sessões remotas, um tem sido destaque: a volta das reuniões presenciais. Na última terça, 11, entre uma análise e outras da pauta da sessão, os vereadores se posicionaram sobre o tema.

Para o primeiro vice-presidente da Mesa Diretora, vereador Ronaldo Souza, o Ronaldo Cancão DEM, a volta das reuniões presenciais pode ser possível.

"Boa parte das Câmaras de Petrolina já realizam as sessões presenciais, portanto sou favorável a esse discussão aqui, até porque o decreto do governo do estado já nos dá essa possibilidade", disse Cancão, reforçando que podem ser feitas dentro de todas as normas de segurança sanitária como exigem os protocolos de combate ao novo coronavirus.

Outros colegas de Mesa de Ronaldo se manifestaram favoráveis para a sessão presencial, a exemplo dos vereadores Osinaldo Souza e Rodrigo Araújo.

Gabriel Menezes, vereador da oposição, sugeriu que o assunto entre na pauta desta terça, 18. Já Gaturiano Cigano, que integra a bancada da situação, lembrou a importância de todos serem testados antes das sessões presenciais.

Segundo a vereadora Maria Elena de Alencar, que integra a bancada governista também, ela não teria nenhuma dificuldade de voltar com a reunião presencial. "Não tenho dificuldade em retornar com as reuniões presenciais e voltar a interagir com os colegas em plenário", considerou Maria Elena.

Já o professor Gilmar Santos demonstrou preocupação com os colegas que integram o grupo de risco. "Tenho essa preocupação de não expor os colegas de grupos de risco e coloco que seja feita com esses colegas se mantendo atuando de forma remota", pontuou Gilmar.

O vereador Zenildo Nunes disse que integra o grupo de riso, mas como tem feito suas visitas, dentro de todas as normas, não sente dificuldade de participar das sessões em plenário. "Já tenho feito essas visitas, então não sinto esse receito", frisou Zenildo.

Em Juazeiro, BA, cidade vizinha à Petrolina, as reuniões presenciais voltaram desde a semana passada e teve até a presença do prefeito de Juazeiro, Paulo Bomfim/BA, na reunião de retorno realizadas de forma presencial.

 

 

 

 

Por Cinara Marques 

error while rendering plone.comments