Atualizado em: 2 de dezembro de 2021 às 9:55h
Encontre o que você precisa aqui:

Terceiro encontro realizado pela Comissão de Defesa e Proteção da Causa Animal da Câmara de Petrolina reuniu representantes de entidades para discutir ações sobre o tema

Início Terceiro encontro realizado pela Comissão de Defesa e Proteção da Causa Animal da Câmara de Petrolina reuniu representantes de entidades para discutir ações sobre o tema

Na manhã da última quarta-feira (10), a Comissão de Defesa e Proteção da Causa Animal da Câmara de Vereadores de Petrolina realizou a terceira reunião para discutir ações e estratégias sobre convivência e cuidados de proteção aos animais. O encontro foi realizado no Plenário da Casa e estiveram presentes onze vereadores, além de representantes de diversos órgãos relacionados ao tema, como a Agência Municipal de Vigilância Sanitária, IBAMA, Centro de Controle de Zoonoses, Polícia Civil de Pernambuco, ONGs, e autoridades envolvidas com a causa no município.

Os participantes puderam usar a palavra para apresentar as necessidades que envolvem os animais na região e sugerir soluções. O presidente da Comissão, o vereador Wenderson Batista, abriu o encontro falando das leis já existentes sobre o assunto. “Somam-se 30 leis sobre a causa animal, o que precisa ser feito é um ajustamento dessas leis e unir as instituições para que tenhamos uma sociedade mais harmônica com relação aos animais”, declarou.

Usando a Tribuna, a advogada Pâmela Durando enfatizou a importância da causa. “Essa não é uma questão dos protetores, é uma questão social. Nós já temos um canal de denúncia que não pode ser utilizado enquanto não houver estrutura para receber esses animais. A nossa cidade pede isso, Petrolina está lotada de animais e o Centro de Zoonozes não comporta essa demanda. As atribuições institucionais precisam ser definidas para que o problema seja resolvido”, afirmou a advogada.

Luciana Passos, cuidadora de animais, mencionou a necessidade de conscientização. “Precisa existir uma conscientização de que o lugar de animal não é na rua, é necessário falar sobre vacinar, adotar, castrar, cuidar, para que não haja mais animais nas ruas. Esse problema vai na contramão do desenvolvimento que Petrolina tem mostrado”, declarou.

O Coordenador do Centro de Controle de Zoonoses de Petrolina, Kahel Neves, ponderou que o tema é uma questão de saúde pública. “Essa é também uma questão de saúde, nossos profissionais estão sobrecarregados. Nós temos realizado o prêmio Amigo do CCZ para incentivar a participação de empresas e de instituições para auxiliar no trabalho do nosso órgão, embora ainda não seja o suficiente. Estamos fazendo diversos serviços e precisamos de apoio para isso”, afirmou.

Depois das contribuições de todos os convidados, o presidente da Comissão de Saúde, o vereador César Durando fez uso da palavra. “Esse é um momento histórico para Petrolina e para a Câmara Municipal de Petrolina. Que possamos elaborar um documento a partir de todas as leis e desse debate realizado hoje, para dar publicidade e conhecimento aos órgãos, e assim cada um seja um fiscalizador do cumprimento das leis”.

De acordo com o presidente da Comissão de Proteção à Causa Animal, o próximo e quarto encontro será uma Audiência Pública com as autoridades competentes. Na ocasião será apresentado um documento com os pontos mencionados nas reuniões anteriores e ações efetivas sobre o tema serão solicitadas.

Compartilhar

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support